Wednesday, January 30, 2008

Auto-retrato



Minha vida toda eu quis ser desenhista, mas sempre fui um fracasso na área. Mal consigo desenhar os bonequinhos mais simples, e esse foi um dos sonhos que atirei longe há bastante tempo. É assim que as coisas são, não que devessem ser, mas, o que você mais teme é o que geralmente acontece. Comecei a escrever meio que para compensar essa limitação, e obviamente não tive sucesso. Me especializei nessa arte morta. Em terra de cego, quem tem um olho é escorraçado, perseguido e queimado em praça pública.

Resolvi fazer um apanhado das opiniões de mulheres de quem gostei ao meu respeito, para tentar criar um belo auto-retrato, mesmo sabendo que isso ia dar merda. Mais um prazer perverso. Essa queda por fazer o que não se faz.

Muito bem, se minha memória não falha, já fui chamado de:

1. Egocêntrico, mas querendo significar egoísta também.

2. Melodramático, excessivamente romântico, no sentido babaca da expressão.

3. Pessimista e descrente (até mamãe, até mamãe!!)

4. Manipulador

5. Frio calculista que usa as pessoas. Peraí, tem um problema conceitual aqui. Ou eu sou excessivamente romântico ou eu uso as pessoas. Será que é possível ambos?

6. Cínico

7. Banana

8. Idealista, também no sentido babaca da expressão

9. Alguém que prefere a arte às pessoas, ou que usa a arte como uma droga.

10. Instável

11. Histérico

12. Confuso

13. Acomodado, preguiçoso e relaxado. (Quem tem tempo para ouvir minhas teorias sobre a inutilidade de se arrumar a cama?)

14. Narcisista (Pô sacanagem, eu evito olhar o espelho. Eu tenho medo de espelhos. Uma vez minha irmã disse que viu nossos avós mortos no espelho da casa e desde então eu passo o mínimo de tempo diante deles, porque tenho certeza que um dia o reflexo vai me trair)

Já dá pra fazer um retrato legal eu acho. Não?

Depois eu escrevo um post sobre as opiniões de meu falecido papai sobre mim. São ainda menos animadoras.

2 Comments:

Blogger Stella said...

o que eu já ouvi:

"você é superficial e leva uma vida de mentiras" "você não me ama" "você só está comigo porque fuma maconha" "você é a pessoa certa na hora errada" "você não devia ter mentido para mim" "você desafina" "suas pernas não são tão bonitas quanto as daquela gostosa ali atravessando a rua" "burra" e outros tipos de estupidez.

12:55 PM  
Blogger Marcos AM Ramos said...

Acho que cada um de nós tem lembranças pra fazer listas assim. Meu auge até agora foi o marcante diagnóstico de "obsessivo-compulsivo e histriônico". Permitam-me dizer então neste momento: "ora, ora... e não somos todos?" (risinho cínico)

7:12 PM  

Post a Comment

Links to this post:

Create a Link

<< Home

Free Web Site Counter
Free Counter <